Bem vindos!

Ola! Cadastre-se ou faça o seu login para obter acesso a todos os nossos recursos. Uma vez cadastrado e logado, você será capaz de criar tópicos, postar respostas a tópicos já existentes, dar reputação ao seus companheiros, ter seu próprio messenger privado, atualizar o seu status, gerenciar seu perfil e muito mais. Esta mensagem será removida depois de ter se-cadastrado/logado.

Register Entrar

Cuidados especiais com sua turbina

Iniciador do tópico #1
Ae pessoal, segue um texto mto interessante sobre nossos carros turbinados, que eu entendo de suma importância.
Essa dica de aguardar ao ligar ou desligar o motor, eu já seguia, mesmo sem nunca ter visto nada específico pro Audi A3, pq lembro dos tempos que meu pai tinha D20 turbo de fábrica, e tinha um adesivão no parabrisa dizendo para aguardar 30 segundos em marcha lenta ao ligar ou desligar o motor, exatamente para preservar a turbina =D
vi em alguns foruns de caminhonetes que existe até um sistema eletrônico para instalar no carro, que depois de vc desligar, o motor ainda fica ligado mais uns 30 segundos, podendo regular pra mais ou menos.

boa leitura!


Cuidados especiais com sua turbina


Aqui estão algumas dicas de cuidados para o bom funcionamento de sua turbina.


1- Ao ligar o veículo, espere alguns segundos antes de acelerar (em torno de 50 segundos).

Este é o tempo suficiente para subir óleo para o motor e para a turbina e manter o sistema lubrificado e não ocorrer riscos nos mancais da turbina.



2- Após começar a andar com o veículo espere o motor atingir a temperatura normal de funcionamento do mesmo. O conjunto precisa estar em temperatura normal de trabalho para ser exigido todo seu potencial. Com o aquecimento do sistema o óleo atinge o ponto de viscosidade ideal para o trabalho e o restante do conjunto agradece.



3- Para motores turbo é muito importante utilizar os óleos recomendados pelos fabricante de seu veículo. Dependendo da utilização você pode usar óleos minerais ou sintéticos. Respeite sempre os prazos de troca dos mesmo. O óleo é um ítem importante na conservação de seu motor. Existem várias tendências sobre utilização de óleos minerais e sintéticos. Procure informar-se com gente do ramo especializado, que sempre darão opções corretas.

Se estiver utilizando óleo mineral e mudar para sintético, faça a limpeza do sistema com produtos especiais indicados. E essa informação é válida para o contrário. Se houver a necessidade de completar o sistema, utilize SEMPRE óleos da mesma marca já usada.

As maiores causas de "borra" no motor são:



A- Utilizar óleos de marcas diferentes

B- Utilizar óleos de baixa qualidade

C- Misturar óleo mineral com sintético ou vice-versa.

D- Utilizar combustíveis de baixa qualidade

E- Troca fora de prazo dos lubrificantes

F- Completar o óleo com produto diferente da marca já utilizada



4- A cada troca de óleo troque o filtro de óleo e de ar. Motores turbo necessitam sempre de cuidados especiais e quando for troca óleo, troque o filtro de ar também pois o ar entra especialmente em motores turbo em alta velocidade e com isso o filtro de ar suja mais que os motores aspirados normais.



5- Faça manutenção a limpeza de seu intercooler de tempos em tempos.



6- Faça á limpeza do duto de lubrificação da turbina. Esse é o maior fator de quebra das turbinas. Quando inicia-se "borra" ela se concentra inicialmente no duto de lubrificação da mesma e prejudicando a lubrificação da turbina. Se necessário troque-o. Para o bem de sua turbina.



7-Nunca utilize lubrificantes de baixa qualidade e fora das especificações "TURBO".

Lubrificantes com especificações para motores turbo são projetados para trabalhar em altas temperaturas ( acima de motores aspirados). Com temperaturas elevadas os lubrificantes convencionais perdem a viscosidade e perdem a capacidade de proteger seu motor e sua turbina. Óleos multiviscosos são os ideais, pois mantém a viscosidade em várias temperaturas utilizadas. Com estes produtos devido á esse atributos eles chegam mais rapidamente ao sistema.



8- Nunca deixe mecânicos que não conhecem motores turbo efetuar serviços no mesmo.

A construção de um motor turbo é diferente do motor aspirado. Várias peças do motor turbo são produtos feito com especificações especiais, para trabalharem em limites extremos de performance.

Existem váris ítens diferentes em carros com motores turbo:

Embreagem, bronzinas, lubrificantes, pistões, velas, bobinas, anéis entre outros.



9 - Evite á lavagem de seu motor em postos ou lava rápidos. A lavagem "com motor" é extremamente prejudicial aos diversos componentes eletrônicos existentes no mesmo. Prejudicial tanto á motores turbo ou aspirado. Existem outras maneiras de deixa-lo limpo. A água é inimiga de seu motor.



10 - Nunca desligue e ligue o motor imediatamente, tenha tempos de espera como rituais para ligar e desligar seu veículo. Na hora de desligar, deixe o carroparado sem acelerar uns 45 segundos, depois desligue seu motor.



Seguindo essa regras, junto com outros cuidados normais, seu motor e turbina irão ter uma vida útil prolongada.



fonte: http://www.auttohaus.com/turbina.html
 
Iniciador do tópico #5
A3Branco disse:
Boa ITSo, quando vejo estas iniciativas percebo que o Clube está se fortalecendo.

Colaboração é Tudo!

Parabens pela idéia!
valew!
tudo em nome da vida longa aos dos nossos A3, e com qualidade :grin: .
 
Iniciador do tópico #7
moderadores, sugiro que tópicos com dicas como essa fiquem fixos em "manutenção". q acham?

com toda liberdade de editar, claro.
 
#10
"1- Ao ligar o veículo, espere alguns segundos antes de acelerar (em torno de 50 segundos).

Este é o tempo suficiente para subir óleo para o motor e para a turbina e manter o sistema lubrificado e não ocorrer riscos nos mancais da turbina."


isso não confere com o que diz no manual.... que fala q não é pra "aquecer" o carro com ele parado..... é pra ligar e sair andando, bem de boa.. (pelo menos no manual do golf diz isso)
 
#12
De fato o manual menciona que não se deve esperar esquentar o motor com ele parado, é para ligar e sair andando mesmo (de boa)...

Mas sempre tive este pressentimento de que é bom acionar o motor, não acelerar e esperar pelo menos uns 30s para o óleo circular em todo o sistema antes de sair rodando...
 
#13
antes do golf, eu tava com um peugeot 207 2009/2010... no manual dele ja dizia pra sair andando pq as bombas de óleo atuais conseguiam lubrificar o motor em pouco tempo, não necessitando esperar com o carro parado... (não é bem com essas palavras que fala lá, mas é +- por aí hauhauha)


jonas disse:
De fato o manual menciona que não se deve esperar esquentar o motor com ele parado, é para ligar e sair andando mesmo (de boa)...

Mas sempre tive este pressentimento de que é bom acionar o motor, não acelerar e esperar pelo menos uns 30s para o óleo circular em todo o sistema antes de sair rodando...
 
#15
ItsoJ disse:
mas a questão não é esperar o carro esquentar, mas apenas esperar o óleo chegar na turbina.
é isso mesmo...esperar um tempinho não é para esquentar o carro e sim para o óleo circular até a turbina...realmente não é para ficar esquentando o carro parado, apenas dê alguns segundos para que o óleo circule legal...

esperar mto tempo não é preciso...isso é para carro antigos que o sistema de lubrificação era arcaico....

mas é bom esperar...pois ligar o carro e sair socando o pé nele zoa a turbina...

o tópico é só para alertar a todos que não é pra ligar e encher o pé...

Abraço
 
#16
Texto muito legal!! O meu A3 Turbo 150CV as vezes anda como um avião e até me joga no banco, mas as vezes quando vou acelerar parece que o Turbo não está injetando ar e dando a potência esperada... alguem sabe dizer o que pode ser?? Vou numa oficina especializada em Turbo para ver se preciso fazer limpeza. Abraço!
 

chedid

Administrador
#18
GianFrantiesco disse:
Faltou uma coisa de extrema importancia!

Não usar o ponto morto e depois engatar a marcha. Ex: em uma ladeira, ou grandes retas com pequenas ladeiras etc... muita gente joga o ponto "morto ou neutro" deixando o veículo andar um bom tempo desengatado, depois jogam a marcha. Isso fode a turbina, e compromete muito o tempo de vida util da mesma.

Se alguém quiser explico o termo tecnico.

Muita gente fala mal de carro turbo, brasileiro e foda não cuida do carro, quer comparar um veículo turbo com um fusca 1970 =/

poderia explicar isso????? eu sei que é errado no sentido de o consumo de combustível ser maior... pois o carro com a marcha engata está cut-of (se estiver num ladeira acim dos 2mil/rmp sem aceleração), ou seja, a injeção corta o combustível não havendo consumo, o que não acontece com carro em ponto motor ou com pé na embreagem, já que o injeção precisa manter os bicos pulsando para manter o carro em lenta.... portando, numa decisa sem aceleração, com rpm acima de 2mil, o carro cosome menos se estiver engatado e sem o pé na embreagem, do que em ponto motor ou com pé na embreagem.

agora fora isso nunca vi falar nada diferente... muito menos em relação a turbina...
 
#19
Pessoal,
vamos explicar melhor essa parada de cut-of, pois quando vou para praia faço a descida toda de imigrantes engrenado sem acelerar pra manter os ridiculos 80Km/h e o consumo do carro não é zero e nem desconsiderável.
Então dizer que a injeção corta o combustivel não é correto, provavelmente ela diminui drasticamente mas não anula a injeção de forma alguma.
Um dos membros com mais conhecimento técnico poderia nos explicar?

Quanto ao desgaste da turbina... ao fazer essa retomada de aceleração depois de uma descida em marcha lenta, vc terá que impor uma aceleração muito alta instantaneamente na turbina, gerando fadiga nas partes móveis, mancais e rolamentos e se continuar com esta prática com certeza irá sentir no bolso mais tarde e verá que a suposta economia de combistivel não foi a melhor opção.
 

chedid

Administrador
#20
Toda vez que numa descida, o carro não precisar acelerar e estiver acima de 2milrpm, ele entra sim em cut-off...
é que assim: a força gerada nas descida (se for uma boa descida) faz com que não haja necessidade de produzir energia e vc tiver com pé longe do acelerador, ai a injeção corta os bicos.... não sei como é computador de bordo de vcs... mas o meu não lê consumo nestas condições, aparece dois risquinho....

Mas lembrando, condições que carro num entra em cut-off: 1) se a for umas descida leve que carro precise acelerar (mesmo que não coloque o pé no acelerador), ele vai injetar o suficiente para manter o carro ligado e andando; 2) se vc tiver usando o piloto automático (não sei a razão mas não entra em cut-off). Se vc pisar de leve no acelerador mesmo na descida; 3) se ele estiver abaixo 2 mil/rpm.



quando, ao desgate da turbina, num tem nada haver se ele tiver um pegada mais rápida, como falaram, se fosse assim retomadas em subida quando vc reduz a marcha (que faz turbina entrar na hora e com muita carga) é que ferraria (alta pega com carga e nunca vi falar que isso ferra)....... o que ferra com turbina é alto rpm e manter o pé no fundo entre outros motivos...

agora quanto que falaram aqui, olha já li coisas neste mundo sobre cuidados de turbina. MAS NUNCA VI NADA SOBRE PISAR COM CARRO EM PONTO MOTOR..... NÃO DUVIDO.. só que para creditar preciso ler algo bem técnico e nada no acho que foderra por isso...